27
Sáb, Mai

Riascos não vai mais ficar no Vasco, afirma presidente do Cruzeiro

Futebol
Tipografia

Riascos não deve mais voltar ao Vasco da Gama. O clube carioca havia feito uma nova proposta de empréstimo, se propondo a pagar integralmente o salário do colombiano (cerca de R$ 250 mensais) e estava confiante em um desfecho favorável. No entanto, o presidente do Cruzeiro, Gilvan de Pinho Tavares, afirmou nesta segunda-feira (16), que o atacante é esperado para se reapresentar na Toca da Raposa.

BBt7wgK

© Fornecido por Goal.com

“Agora mesmo nós estamos repatriando, trazendo de volta, o atleta Riascos”, disse o mandatário da Raposa. “Não foi muito bem aproveitado pelo Cruzeiro, na primeira passagem dele, mas se deu muito bem no Rio. É um dos artilheiros do Campeonato Carioca e está voltando. Vamos ver a avaliação que o novo treinador vai fazer. É um atleta que, se for avaliado que deve ficar, vai enriquecer o nosso elenco.

Vice-artilheiro do Campeonato Carioca (9 gols), e principal goleador do Vasco na campanha do título, o colombiano nunca escondeu a sua intenção de permanecer em São Januário. No último sábado, marcou o primeiro gol do clube na Série B 2016, deu uma assistência e participou do último dos quatro gols na vitória sobre o Sampaio Corrêa. Quando balançou as redes, no Maranhão, comemorou mostrando o escudo do clube para os torcedores.

Na entrevista coletiva para apresentar Paulo Bento, novo treinador do Cruzeiro, Gilvan de Pinho Tavares garantiu que Riascos só deixará o clube mineiro se for em definitivo, refutando a possibilidade de mais um empréstimo: “O Vasco fez proposta para ele continuar emprestado, melhorando as condições do empréstimo. Mas nós achamos que ele é um jogador caro, fizemos um investimento alto por ele, e agora não é momento de a gente fazer essa bondade com os outros clubes”, disse o mandatário.

BBt7N60

Com a camisa do Vasco, Riascos disputou 49 jogos e marcou 17 gols. O colombiano foi um dos muitos exemplos de jogadores que cresceram de rendimento após a chegada do técnico Jorginho. Pelo Cruzeiro, time que o contratou em 2014, disputou apenas quatro partidas e não balançou as redes. O atleta também soma passagens por América de Cali (Colômbia), Estudiantes de Mérida (Venezuela), Deportivo Cali (Colômbia), Shanghai Greenland (China), Tijuana (México), Pachuca (México) e Morelia (México).

 

© MSN Esportes

Assine a nossa newsletter para receber gratuitamente notificações via e-mail de nossas promoções, eventos e novidades.