27
Sáb, Mai

Alimentação rica em fibras e líquidos pode ajudar no trânsito intestinal

Alimentação
Tipografia

Algumas doenças podem estar por trás da dificuldade de ir ao banheiro. Geralmente, a causa da prisão de ventre é a alimentação. O Bem Estar desta segunda-feira (11) falou sobre um assunto que às vezes dá vergonha: prisão de ventre. Entretanto, algumas doenças podem estar por trás dessa dificuldade de ir ao banheiro. Por isso é importante procurar um especialista. O programa convidou o consultor e cirurgião do aparelho digestivo Fabio Atuí e o presidente da Sociedade Brasileira de Coloproctologia Fabio Campos.

Geralmente, a causa da prisão de ventre é a alimentação. Fibras e líquidos podem ajudar no trânsito intestinal. Já doces, massas e chocolate podem piorar. Para facilitar a evacuação, os especialistas indicam tomar líquido em jejum pela manhã, criar uma rotina de evacuação e obedecer a vontade de intestino.

As pessoas com intestino preso são divididas em dois grupos: quem sempre teve o intestino preso e quem sempre teve o intestino normal e ele ficou preso. De acordo com Atuí, quem está no primeiro grupo e tem alimentação equilibrada, com fibras, toma bastante e pratica atividade física, deve procurar ajuda. Já quem está no segundo grupo pode ter um problema mais sério, como hemorroida, fissura anal e até câncer de intestino.

O hábito intestinal normal varia de três vezes ao dia até uma vez em três dias, desde que a evacuação não cause sofrimentos, como dores, desconforto e sangramento. Ao notar qualquer problema no funcionamento do intestino é preciso procurar um médico.

Como perceber um câncer de intestino? Além da prisão de ventre, há outros alertas, como alteração de diarreia com constipação, sangramento e/ou muco nas fezes, sensação de evacuação incompleta, perda de peso e fraqueza. Para investigar esses sinais de alerta são feitos exames para detecção de pólipos.

Assine a nossa newsletter para receber gratuitamente notificações via e-mail de nossas promoções, eventos e novidades.