23
Dom, Abr

O governo federal enviará ao Congresso Nacional na próxima semana uma proposta para que as contas públicas tenham um déficit (despesas maiores do que receitas) de até R$ 170,5 bilhões em 2016. Se for confirmado, será o pior resultado da série histórica.

© Agência Câmara

Portarias foram assinadas na semana passada, dias antes de Dilma ser afastada do governo. O Ministério das Cidades afirmou, nesta terça-feira (17), que o ministro, Bruno Araújo (PMDB-PE), revogou, por falta de recursos, as portarias publicadas dias antes de da presidente Dilma Rousseff ser afastada que autorizavam a ampliação do Programa do Minha Casa, Minha Vida.

Valor da transação na Argentina é de US$ 892 milhões, informou a estatal.
No Chile, petroleira fechou venda da PCD por US$ 490 milhões.

Assine a nossa newsletter para receber gratuitamente notificações via e-mail de nossas promoções, eventos e novidades.